Diana: relembre a bombástica entrevista da princesa em 1995

Liz Batista - Acervo Estadão

11/03/2021 | 08h16   

Veja cobertura do Estadão e a repercussão das declarações que abalaram a família real inglesa

Princesa Diana em 25/9/1995.

Princesa Diana em 25/9/1995. Foto: HO/ REUTERS

Desde sua veiculação, a entrevista de príncipe Harry e Meghan Markle para apresentadora Oprah Winfrey vem sendo comparada com a explosiva entrevista concedida pela princesa Diana, em 20 de novembro de 1995 à BBC. 

Nela, Diana, separada do príncipe Charles desde 1992, expôs a vida de infelicidade dentro de seu casamento com o herdeiro da coroa inglesa. Falou sobre a infidelidade de seu marido, de sua indiferença, admitiu também ter cometido adultério, relatou a pressão da vida sob os holofotes e sob o jugo da família real britânica, contou os efeitos disso em sua saúde mental e relatou sua luta contra a depressão e bulimia. 

>> Estadão - 21/11/1995

 

> Estadão - 21/11/1995

> Estadão - 21/11/1995 Foto: Acervo/Estadão

Em entrevista anterior à de Diana, Charles já havia admitido sua infidelidade, mas nunca antes o público havia conhecido tantos detalhes e nunca antes a família real havia sido trazida nominalmente para o centro do palco midiático da separação do casal real. Como apontou a cobertura do Estadão, o celebrado matrimônio que o mundo parou para assistir  na década de 1980 mostrava ter chegado ao fim :“Celebrado em 1981 como um casamento de “conto de fadas”, a união entre Charles e Diana - da qual resultaram dois filhos - se converteu rapidamente num pesadelo recheado de intrigas e infidelidades.

A entrevista tornou célebre algumas declarações de Diana, como a sobre o envolvimento de Charles com Camila Parker-Bowles, em que Lady Di disse que haviam três pessoas em seu casamento e completou com certa ironia: “então estava um pouco lotado”. Em outro momento, quando perguntada sobre se achava que algum dia seria rainha, respondeu que não e que gostaria de ser uma “rainha no coração do povo.”   

>> Estadão - 22/11/1995

 

> Estadão - 22/11/1995

> Estadão - 22/11/1995 Foto: Acervo/Estadão

>>Leia a entrevista completa aqui

Combinada sem que a rainha Elizabeth II, o príncipe de Gales e de seus secretários fossem informados (como manda o protocolo), a histórica entrevista que revelou os bastidores do Palácio de Buckingham acelerou o processo de divórcio de  Charles e Diana - concluído em agosto do ano seguinte - afetou negativamente a imagem do sucessor do trono e abalou a família real.

Cerca de 30 milhões de espectadores ingleses, e outras dezenas de milhões em todo o mundo, assistiram ao programa apresentado pelo entrevistador Martin Bashir. As usinas de energia elétrica da Inglaterra foram colocadas em alerta para garantir o previsto pico de consumo na hora do programa.

 Diana faleceu num trágico acidente de carro em Paris em 31 de agosto de 1997.

>> Estadão - 16/7/1996

> Estadão - 16/7/1996

> Estadão - 16/7/1996 Foto: Acervo/Estadão

Leia também:

>> Diana e Charles: mundo parou para assistir união

>> Relembre quando Diana apresentou o Príncipe Harry

>> Comoção mundial marcou adeus à Diana

>> Rei Edward VIII, o antepassado de Harry que abdicou à coroa da Inglaterra por amor

+ ACERVO

> Veja o jornal do dia que você nasceu

> Capas históricas

> Todas as edições desde 1875

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.