Em 1974, a primeira viagem do Metrô

Rose Saconi

01/06/2014 | 15h39   

Apenas autoridades embarcaram no percurso experimental; obra foi entregue inacabada

“Deixem bem claro que a população não poderá entrar nas estações, e que qualquer tentativa desse tipo só servirá para criar tumulto”, advertiu o organizador da festa aos jornalistas. A data da inauguração da primeira linha de metrô do Brasil foi estrategicamente escolhida: 14 de setembro de 1974, dia do aniversário do governador de São Paulo, Laudo Natel.

Como sempre costuma acontecer por aqui, a obra foi inaugurada sem que tudo estivesse pronto. Mas cerca de 5 mil autoridades foram convidadas para estrear a pequena linha de sete quilômetros que ligava as Estações Jabaquara e Vila Mariana, com cinco paradas entre elas. A escola de samba Vai-Vai e o sanfoneiro Mario Zan foram acionados para as festividades. Uma página do jornal do dia seguinte sintetizava como foi a comemoração: “O grande comício teve até passeio de metrô.”

 O Estado de S. Paulo - 14/9/1974

Subterrâneo. A primeira notícia sobre o metrô paulistano surgiu em 1927, época em que São Paulo vivia a glória do café e tinha orgulho de seus casarões na Avenida Paulista. Poucos carros trafegavam pela cidade entre as muitas charretes usadas para o transporte de elegantes senhores e senhoras.

Após quatro décadas, a sugestão do Estado começou a ganhar forma. Em 24 de abril de 1968, foi formada oficialmente a Companhia do Metropolitano de São Paulo. "Inicia-se hoje uma empresa destinada a ombrear-se, dentro de pouco tempo, com as maiores da América Latina", disse o prefeito Faria Lima, anunciando a empreitada.

O Estado de S. Paulo - 7/9/1972

 Leia também:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.